Bola entrou ou não? Fifa aprova tecnologia para validar golTecnologia da Informação Blog O Gestor

Bola entrou ou não? Fifa aprova tecnologia para validar gol

Por Luis Marcos Leite | TV: TI | 2 Comentários
A bola entrou ou não entrou? Valeu ou não valeu? Foi gol ou não? Fifa aprova uso da tecnologia para validar gol. Confira neste artigo.

 

Um dos lances mais discutidos do futebol é quando se fica em dúvida se uma bola entrou ou não entrou no gol, ou seja, ultrapassou completamente a linha do gol.

 

Por algum tempo se discutiu o uso da tecnologia para definir esse problema. O problema (sem querer redundar) é que os velhinhos da FIFA não aceitavam tal uso. Eu disse: não aceitavam… porém, voltaram atrás e aprovaram, recentemente, numa reunião da entidade ocorrida no País de Gales, finalmente, a adoção do recurso.

 

bola entrou,bola não entrou,gol,tecnologia,futebol

A bola entrou ou não entrou? Tecnologia prejudicará o Futebol? (Créditos: kasadaeskina.blogspot.com)

 

A tecnologia será aplicada somente à linha de fundo e apenas para determinar se um gol foi marcado ou não”, diz um dos “princípios” da nova ferramenta, segundo os velhinhos da Board, que não abrem mão da precisão do novo recurso.

“É obrigatório que a indicação de ter ou não ter sido gol seja imediata e automaticamente confirmada dentro de um segundo”, diz outro “princípio”.

Segundo os membros da entidade, a indicação de ter sido ou não gol será comunicada somente aos integrantes da arbitragem.

 

E você, que gosta de futebol, o que acha sobre o uso de recurso tecnológico nesse esporte?

 

Será que o “gostoso” do futebol, que a resenha depois do jogo vai ficar prejudicada com a tecnologia definindo lances polêmicos?

 

Participe e deixe seu comentário!

 

Fonte: infoexame

 

Vote neste post

Servidor Público, Tecnólogo em Gestão da Tecnologia da Informação, docente de informática freelancer e problogger.

2 Comentários
  • Isso teria que acontecer Hoje , o Luis Fabiano foi Prejudicado !!!

    • Pois é, Vinicius. Já deveria ter sido implementado há muito tempo este recurso tecnológico. Abs.

Deixe seu comentário